Tecnologia

Saiba como proteger o seu e-mail

Algumas medidas de segurança podem evitar que o e-mail seja invadido (Fonte: Pixabay)

Nos últimos anos, é comum ver notícias de ataques na internet. Por isso, quem usa e-mail, seja de forma particular ou no ambiente profissional, precisa ter cuidados. Falando nisso, tem como descobrir o Gmail de alguém.

Como o dia a dia das pessoas é corrido, com muitos compromissos, pode acontecer da pessoa ir pra uma reunião de trabalho dentro da própria empresa, e esquecer o e-mail aberto. Isso pode causar problemas.

Algumas medidas de segurança podem evitar que o e-mail seja invadido (Fonte: Pixabay)
Algumas medidas de segurança podem evitar que o e-mail seja invadido (Fonte: Pixabay)

Ou então pode acontecer da pessoa abrir sites suspeitos, e aí existe o risco de  alguém invadir o computador, e inclusive o endereço eletrônico. Por isso, preparamos dicas do que deve ser feito para proteger os e-mails.

Cadastre uma senha forte

A primeira orientação dos especialistas, e também uma das mais importantes, é que as pessoas sempre devem escolher as chamadas senhas fortes. Ou seja, nada de colocar a famosa sequência “123456”.

Data de nascimento é outra opção que muitos usuários usam. Mas, de acordo com os especialistas em segurança da informática, esse também é um erro grave! Porque não é difícil que uma pessoa descubra o aniversário da outra.

Portanto, para ter uma senha forte, é recomendado adotar as seguintes medidas:

  • Use letras maiúsculas misturadas com as minúsculas;
  • Use números;
  • Use símbolos.

E-mail visível

Uma dica importante é que as pessoas não devem deixar o e-mail visível. Ou seja, quem usa Facebook e Twitter, por exemplo, tem a opção de deixar o e-mail público ou privado.

Muita gente não sabe, mas pessoas criminosas ficam de olho nessas redes sociais para conseguir coletar e-mails e depois usar de maneira errada, prejudicando o dono da conta.

5 Dicas para proteger o e-mail

Resumindo: tudo o que o usuário puder fazer para dificultar a vida de quem quer roubar e-mails, deve ser feito. Veja a seguir mais dicas e orientações de como se proteger:

  • Cuidado ao enviar e-mails: as pessoas precisam ter bastante atenção ao tipo de arquivo que enviam. Se for algo muito confidencial, ele pode ser interceptado por terceiros, inclusive para usar de forma criminosa
  • Nunca abra e-mails ou anexos de pessoas suspeitas: nesse caso, o mais indicado a se fazer é ser direto e já excluir o e-mail suspeito. Só abra o conteúdo de quem você conhece e de assuntos conhecidos. O que for fora do normal, desconfie!
  • Cuidado com promoções muito boas ou descontos acima do normal: quem recebe e-mail de lojas conhecidas, mas que trazem uma promoção muito especial, com preço inclusive fora do encontrado comumente no mercado, deve desconfiar. Pode ser golpe!
  • Atenção para o wi-fi gratuito: quem usa o sinal de internet de lojas ou empresas, precisa ter cuidado. Isso porque um pessoa consegue procurar nessas transmissões de dados as informações da pessoa ao fazer o login.
  • Arquivos suspeitos: recebeu um e-mail e não identifica o arquivo que está em anexo? Não abra! Pode ser algum vírus disfarçado. Caso já tenha clicado, desligue o computador imediatamente para resolver ou minimizar o problema.

Nessas horas, de acordo com os especialistas em segurança, a primeira coisa a se fazer é sempre desconfiar. Só abra mensagens de pessoas e empresas conhecidas.

Na dúvida, pergunte a um parente ou amigo que entenda mais de informática: indicamos esperar para abrir um e-mail quando se tem dúvidas, do que abrir e ficar com o computador com vírus.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.